Resenha: Younger

Younger é uma série de TV estadunidense exibida desde 31 de março de 2015 pela TV Land, baseada no romance de Pamela Redmond Satran, publicado no Brasil pela Galera Record.
Liza é uma mulher de 40 anos que vive em Nova York, e após dedicar anos de sua vida cuidando de sua única filha, ela decide que quer voltar a trabalhar. Mas as coisas estão diferentes agora, o mercado de trabalho mudou e conseguir um emprego com sua idade é quase impossível, principalmente quando ela percebe que está tão por fora das atualidades e aplicativos.

As coisas mudam quando Liza conhece Josh, um rapaz de vinte e poucos anos que flerta com ela num bar, acreditando que a mulher tem a mesma idade que ele. E é aí que Liza tem uma grande ideia. Com a ajuda de Maggie, sua melhor amiga, Liza apaga seus rastros na Internet e assume uma nova identidade: agora possui 26 anos. Mudando as roupas, seu jeito de agir e fazendo mechas mais claras no cabelo, Liza logo consegue um emprego como estagiária numa editora, onde ela conhece e torna-se amiga de Kelsey, e onde vira o saco de pancadas de sua chefe invejosa, Diana.
Liza é uma personagem daquelas que a gente até tenta odiar, mas não consegue. Vê-la mentindo para todo o mundo sobre sua idade, escondendo o divórcio pelo qual estava passando no momento (o marido a trocou por alguém mais jovem) e a filha (que fazia intercâmbio na Índia), me deixava irritada, principalmente quando ela volta a encontrar Josh, e continua mentindo para ele. Josh é muito doce e divertido, então não me impressiona que Liza tenha se interessado por ele, mas eu ficava naquela torcida frenética, esperando que ela revelasse logo sua idade, pois sabia que, quanto mais demorasse, mais chances de perder Josh teria.
Os personagens secundários são tão divertidos quanto a principal, mas a melhor amiga de Liza, Maggie, é aquela personagem da qual a gente acaba gostando mais do que a própria protagonista. Uma garota engraçada que não se importa com o que os outros pensam dela, vivendo sozinha num apartamento no Brooklyn e fazendo o que bem entende para ser feliz. Dá conselhos e pouco se alarma com o fato de Liza estar mentindo sobre sua idade. Afinal, não é tão alarmante, assim, né? E além do mais, a ideia também foi dela.

Quando vi o cartaz dessa série pela primeira vez, achei que Hilary Duff seria a protagonista, e tinha ficado bastante animada por vê-la no elenco, mas sua personagem foi uma grande decepção, e não só por ser uma mulher submissa aos homens que conhece (namora, tem um caso...), mas também por seu jeito medíocre e mesquinho de ser. Não vou negar que dei boas risadas com ela, porém esperava muito mais de Kelsey e Hilary.
Younger é uma série muito divertida, tem seus pontos altos e baixos, é claro, mas como disse anteriormente, vale o nosso tempo. Seus episódios duram mais ou menos vinte minutos cada, e é aquele tipo de série que acaba em um dia, no máximo dois, pois você fica tão viciado(a) que não consegue parar de assistir, e acaba vendo tudo de uma vez.
Younger tem a primeira temporada composta por doze episódios, e a segunda já foi confirmada (também contendo 12 episódios), e a premiere da mesma acontecerá em Janeiro de 2016.
Share:

Um comentário

  1. Essa série já estava na minha lista a tempos, mas eu meio que tava precisando de um empurrãozinho... Esse post me fez ter vontade de assistir haha.

    http://adoteumaserie.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

© Depois que crescemos | All rights reserved.
by pipdig