20 coisas que aprendi em 20 anos

Ontem foi um dia muito especial em minha vida, completei 20 anos. E fiquei pensando em como a vida passa depressa e como temos que aproveitar ao máximo cada detalhe e cada momento dela. Eu me lembro que não via a hora de chegar meus 15 anos, e olha só, já estou com 20 e tudo passou tão rápido! Bom, eu fico muito grata por ter um espaço para poder compartilhar coisas como essa e poder relembrar momentos e ver como cresci nesses anos todos.

1. As pessoas mudam
Pode até ser o mais óbvio de todos, mas é tão difícil aceitar que isso acontece. Eu sempre procuro me dedicar ao máximo à todos em minha volta, fazer com que se sintam especiais, mas as mudanças nas pessoas fazem com que percamos isso, infelizmente. 

2. Você muda
Eu mudei tanto nesses 20 anos, e creio que esse seja apenas o começo de tudo que está por vir. Olho para trás e penso em quantas coisas que eu jamais faria ou diria se fosse nos dias de hoje, e creio que acontecerá o mesmo daqui uns anos pois somos seres em constante mudança e adaptação. 

3. O menos é mais
Hoje eu vejo com clareza o como Ludwig Mies van der Rohe estava correto ao dizer que menos é mais. Aprendi que não é preciso ter muitos amigos, muito dinheiro ou muitas coisas que não são necessárias, basta cuidar e manter aqueles que já estão com você e fazer das pequenas coisas, grandes.

4. Fazer as coisas sem pensar
Calma que eu tenho juízo sim! Mas quando digo em fazer as coisas sem pensar eu me refiro as coisas que não fazemos por medo de errar ou por medo de passar vergonha. Essa é uma das maiores coisas que aprendi, não se preocupar com os outros, com o amanhã e com os porquês. 

5. Não ter vergonha da minha origem
Eu vejo tantas pessoas que escondem o que os pais fazem ou de onde vieram, por pura vergonha. Gente, como que você tem vergonha de uma coisa que faz parte da sua vida e que sem ela você provavelmente não seria o que é hoje? Pois eu digo com o maior orgulho que meus pais e boa parte da minha família são do sítio, que nós nascemos e crescemos lá e que isso é uma dádiva. Vamos parar um pouquinho de ser egoístas e pensar o quanto deve doer para essa sua origem ser rejeitada por apenas ser ela mesma. 

6. Ser positivo faz a diferença 
O que mais se vê hoje são pessoas que ficam reclamando nas redes sociais de todas as coisas que acontecem com elas! E eu aprendi que isso não é necessário cara, não tem motivo reclamar, não vai adiantar. Pensar positivo só ajuda nas horas de aflição, não adianta pensar que o ruim vai acontecer antes mesmo de ter acontecido. Vamos parar amigos, vamos pensar que isso não é tão importante, vamos compartilhar coisas legais e ser mais positivos com tudo.

7. Uma casa nunca para limpa
Sempre critiquei minha mãe com sua super limpeza diária e ficava me perguntando se era necessário isso tudo mesmo. E hoje eu vejo o como é!!!! É impressionante como a casa suja, mesmo quando estou sozinha, eu acabo de limpar não passa algumas horas e já está sujo o chão, por exemplo. 

8. Coisas bonitinhas sempre serão bonitinhas
Muitas pessoas depois que crescem acham que se disserem ou gostarem de algo fofo e bonitinho estão sendo "crianças" ou imaturas. Existe uma diferença enorme em apenas gostar daquilo visualmente - coisa normal do ser humano - e ser uma pessoa que vive naquele mundo - como as crianças. Então ter coisas fofas e coloridinhas não faz de mim e nem de você uma pessoa imatura, apenas uma pessoa que não tem vergonha das coisas que gosta. 

9. Não esperar ser lembrada
Eu confesso que isso é muito difícil para mim, pois é muito triste fazer tanto pelas pessoas e não ser reconhecida por isso. Não que eu queira uma estátua na casa de cada um com meu nome mas é que as pessoas são ingratas e isso machuca muito. E assim, essa é uma das lições principais que aprendi a não ligar.

10. As músicas marcam as nossas vidas
Em cada momento desses meus 20 anos eu posso citar pelo menos uma música que me faz voltar para cada um deles. E isso é muito importante e muito legal!

11. Fazer o que se ama é incrível 
Eu sempre me perguntei porque era tão ruim em matemática e essas matérias exatas, sempre me senti burra e diferente por não conseguir aprender como os outros. Mas hoje eu vejo que as notas e essas matérias não eram o meu destino, o que eu precisava era me encontrar. Consigo ver a diferença nas minhas notas da faculdade, que são totalmente diferentes perto das do ensino médio. E sou grata por fazer o que amo, principalmente no trabalho - pois imagino o quanto deve ser triste você fazer o que não gosta. E eu sou apaixonada por Design e grata por ter me encontrado na vida.

12. Os medos podem ser superados 
Eu nunca fui muito medrosa, mas sempre tive meus medos como todas as pessoas. E o que a vida me ensinou até agora é que todos estamos sujeitos a superar os maiores medos e seguir em frente com nossos objetivos. Eu me orgulho em ter conseguido! E espero nunca perder isso.

13. A beleza não conta tanto
Eu não gosto de pessoas que julgam as outras pela aparência, principalmente medindo através dos padrões de beleza. Uma pessoa para ser bonita precisa primeiro ser bonita por dentro. 

14. Pelo caminho sempre haverá obstáculos 
Não existe um mês da minha vida que eu não enfrente algum problema. E eu não estou reclamando disso não, pelo contrário, eu me torno uma pessoa mais experiente e forte com os pequenos ou grandes problemas do dia a dia. E acredito que todos deveriam encarar os problemas mais assim. 

15. Alguns homens são muito nojentos
Eu uso o transporte público da minha cidade e eu sempre reparo nos olhares e atitudes masculinas para com as mulheres. Além de eu reparar o como eles são nojentos apenas com os olhares, eu vivencio diariamente atitudes horríveis (não só com outras mulheres), e fico pensando qual o direito que eles tem em fazer isso? São casos que já são "comuns" e que as pessoas estão acostumadas. Mas não deveriam! 

16. Sonhar é sempre bom
Eu sou muito sonhadora, sempre fui. E acredito que os sonhos são pequenos pedaços daquilo que traçamos como objetivo em nossas vidas. O que faz de nós pessoas que acreditam naquilo que almejam e que tendem a fazer mais e esperar menos. Pois só sonhar não adianta se você não correr atrás.

17. A comida da vovó sempre será a melhor
Podem os anos passar, os restaurantes aumentarem, mas a comida das minhas avós são as melhores do mundo. E tenho a sorte de que uma faz várias coisas salgadas e a outra doces! 

18. A família sempre estará ao meu lado
Não importa quantas vezes eu falhe ou acerte, eu sei que eles estarão. Pelo simples fato do amor que há entre nós. Isso é maravilhoso e também é um presente da vida. Por isso eu digo que, nunca perca essa ligação, pois a família ama você antes mesmo de você existir e não será do dia para a noite que isso acabará. 

19. O chocolate será sempre o mesmo chocolate
Uma coisa que não muda são os primeiros sabores e as sensações que temos durante a vida. Eles mudam, mas sempre relembrando aquele primeiro sabor, cheiro e toque. Então quando digo chocolate, não é ele em si, mas todas as coisas que são marcantes como ele.

20. Crescer não é fácil
Pode-se notar por tudo que falei que crescer é uma aventura, mas não é como nos filmes, a vida é muito dura e sem dó de você. Por isso crescer é difícil. Mas o que eu levo comigo é que devemos aproveitar cada momento bom e feliz que a vida nos dá, pois mesmo com todas as dificuldades, teremos esses momentos para recordar e viver.

Espero que tenham gostado de tanta coisa que aprendi e que para mim são grandes lições! Agradeço à todos por estarem comigo por mais esse ano. Compartilhe com seus amigos :)

Share:

Nenhum comentário

Postar um comentário

© Depois que crescemos | All rights reserved.
by pipdig