Um sono digno de férias

E as desejadas férias de Dezembro chegaram e junto com ela a imensa vontade de dormir, afinal não existe nada mais gostoso que poder dormir a hora que quiser e levantar também a hora que quiser, sem preocupações com provas, notas e trabalhos. Porém algumas pessoas não conseguem dormir o tanto quanto desejam ou o tanto o quanto o corpo necessita. A dificuldade pode estar em adormecer ou manter o sono e essa dificuldade leva a pessoa a ficar cansada e ter um dia pesado! Por isso trago nesse post os 5 problemas mais comuns da insônia e suas soluções!

1. Barulho e desconforto: nos sentimos sonolentos quando começamos a adormecer, mas nosso cérebro ainda está ativo. Por isso, ruídos ou desconforto podem nos perturbar. 
O que fazer? Tente ao máximo dormir em um lugar que você se sinta confortável e que seja localizado longe dos barulhos da sua própria casa e até mesmo dos barulhos da rua.

2. Rotinas irregulares: todos nós temos um relógio biológico interno que nos diz quando estamos cansados. O principal sincronizador para o nosso relógio biológico é a luz. Nossos olhos reagem à luz e ao escuro mesmo quando nossas pálpebras estão fechadas. 
O que fazer? Se você não dormiu bem durante a noite ou até mesmo trabalha na parte da noite e dorme na parte do dia, o ideal é fechar as cortinas do seu quarto para bloquear totalmente a entrada de luz do sol, isso ajuda a melhorar a qualidade do sono e você pode descansar mais. Caso seu quarto não tenha cortinas, opte por mascaras próprias para o sono, ela bloqueia completamente qualquer luz.

3. Temperatura errada: nossa temperatura corporal normalmente cai meio grau quando estamos dormindo. Assim, quando o sono se aproxima, nosso relógio biológico faz os vasos sanguíneos em nossas mãos, rosto e pés se dilatarem para perder calor. Quando está muito frio, ficamos inquietos e temos dificuldade para dormir. Ou, se os nossos quartos ou edredons são muito quentes, nossos corpos não conseguem perder calor, o que também pode causar inquietação. 
O que fazer? Em dias frios o correto é dormir com meias, pijamas compridos e cobertas pesadas. Já em dias de calor, durma com seu pijama de verão e lençóis sobre o corpo.

4. Comida e bebida: podemos ter problemas para dormir depois de consumir alimentos e bebidas que agem como estimulantes. Bebidas ricas em cafeína tornam mais difíceis o ato de adormecer e interferem em nosso sono profundo. Alimentos que contêm uma substância química chamada tiramina (como bacon, queijo, nozes e vinho tinto) podem nos manter acordados durante a noite. Isto acontece porque a tiramina provoca a liberação de noradrenalina, um estimulante cerebral. 
O que fazer? Faça sua ultima refeição antes de dormir com alimentos leves e frutas, que sejam de fáceis digestão. Sempre optando por tomar sucos naturais ou água.

5. Mente ocupada: o stress é um inimigo do sono. Na cama, nossa mente fica livre para passear, relembrar coisas que aconteceram no dia e até imaginar situações. É difícil manter a noção do tempo quando você está deitado no escuro tentando dormir. As pessoas muitas vezes adormecem e acordam novamente, mas acham que ficaram o tempo todo acordadas. 
O que fazer? Na hora de dormir, tente relaxar! Esqueça os problemas e as coisas que aconteceram durante o dia, afinal elas já aconteceram, não tem como voltar a trás! Cada dia é um novo dia que precisa das nossas forças para acontecer da melhor maneira.

Depois dessas dicas, não tem desculpa para uma noite mal dormida! Uma noite de sono tranquila, revitaliza o ser humano, nos dando força para começar o dia com o pé direito e ir em busca do que mais desejamos.
Share:

Nenhum comentário

Postar um comentário

© Depois que crescemos | All rights reserved.
by pipdig