Oi da Margot

Eu já tive muitos bichinhos de estimação, de cachorros a cavalos, desde pequena fui criada em volta de vários bichos que me fizeram ser amante de animais. Mas, eu sempre sonhei em ter um coelhinho, esses minis, porque são extremamente fofos e fáceis de cuidar (no momento que estou vivendo tinha que ser).

Eu sempre brincava que queria um, aqui na minha cidade eu nunca encontrei esse tipo de coelhinho e foi no meu aniversário, como já disse nesse post, que ganhei de presente a Margot!
Recebi várias dicas de como cuidar dela da minha amiga que me deu, que entende bem de animais e estou pesquisando bastante. Mas nada como aprender na prática. E eu resolvi postar sobre os principais acontecimentos da Margot aqui no Blog para outras pessoas que não sabem como cuidar aprenderem junto comigo quando forem ter o seu!

A primeira coisa que você precisa saber sobre os coelhos é que eles não são roedores! Eles não pertencem à ordem Rodentia mas sim Lagomorpha. Existem, dentro da família dos coelhos, vários gêneros como o Lepus (lebres), Sylvilagus (coelho americano), Caprolagus (coelho asiático), Nesolagus (coelho da Sumatra), Brachylagus (coelho pigmeu) e o Oryctolagus (coelho comum) fonte. Note que o coelho pigmeu não é o coelho anão. O coelho anão pertence ao gênero e espécie do coelho doméstico, no caso da Margot!

Outra coisa, os coelhos aqui no Brasil não precisam ser vacinados, porque aqui não existem doenças virais em coelhos. Já na Europa, existe a mixomatose e a doença hemorrágica viral, doenças que atacam coelhos, necessitando assim que os animais sejam vacinados. Quando você for comprá-lo na agropecuária tire todas as suas dúvidas sobre isso. 

Minha Margot está se adaptando muito bem, está comendo direitinho, está muito fofa comigo e amando sua casinha (em breve teremos post sobre casinhas e brinquedos). Ainda estou comprando as coisas para ela, mas o básico que são: comida, gaiola, vasilhas e casinha já estão ok! Este post foi para introduzir vocês a minha pequena bebê, vou contar aqui no Blog como está sendo sua rotina, os cuidados e dicas para iniciantes como eu!

Fique a vontade para dar sugestões e para perguntar, quero deixar claro que ainda estou aprendendo e me informando com veterinários e pessoas que estudam e cuidam deles.
Share:

2 comentários

  1. Nossa, que amorzinho! Esperando ansiosa para ver mais fotos dessa gracinha por aqui. <3

    P.S: Ela não rói/destrói tudo que encontra? Meu namorado teve um coelho uma época e disse que por pouco ele não colocou fogo na casa roendo uns fios... Fica a dica, qualquer coisa ai.

    [N]ayh's Wonderland

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahahahah olha quase tudo! Mas está passando essa fase kkkkkk

      Excluir

© Depois que crescemos | All rights reserved.
by pipdig